Samsung vai lançar controle remoto à base energia solar para suas TV’s

A Samsung anunciou seus novos produtos do ano esta semana, e junto com as Tvs QLED 4K e 8K, vai lançar um controle remoto que será carregado por energia solar.

Nos últimos tempos grandes empresas de tecnologia têm demonstrado cada vez mais interesse em apresentar projetos sustentáveis. E a Samsung ao invés de seguir a Apple e vender TVs sem controle remoto, apostou no carregamento à base de luz solar.

Assim, a gigante da tecnologia sul-coreana afirma que o novo controle remoto, nomeado Eco Remote, “reduzirá toneladas de resíduos de plástico por ano” e beneficiará o meio ambiente. 

Mas nós sabemos que de sustentável essas decisões não tem quase nada. Tanto na decisão da Apple de não vender mais carregadores nas caixas, quanto esse novo controle remoto da Samsung fazem uma diferença mínima para o meio ambiente.

Afinal é a produção dos aparelhos e acessórios que causam o problema. A quantidade de água, energia e resíduos que eles geram é enorme. Mas devemos ficar “felizes” de ver que elas estão começando a dar seus primeiros passos.

O Eco Remote

Olhando para o Eco Remote de frente, ele se parece mais ou menos com qualquer um dos controles remotos de TV anteriores que acompanhavam as TVs Samsung.

No entanto, a parte traseira é o que abriga seu elemento de maior destaque. Na parte traseira, pode-se ver um longo painel de células solares que podem carregar a bateria interna.

O próprio Samsung Eco Remote pesa apenas 31 gramas e é feito de plástico, mas a empresa afirma que cerca de 28 por cento desse material é de “tereftalato de polietileno reciclado”. 

De acordo com as alegações oficiais da Samsung, a bateria do controle remoto pode ser usada por até dois anos antes de exigir uma carga completa e pode permanecer funcional por um total de cerca de sete anos, que também é o ciclo médio de uma única TV.

Embora possa ser carregado com energia solar, a Samsung também oferece uma porta USB Tipo C na parte inferior para carregar o controle remoto mais rapidamente. 

Voltando a discussão dos resíduos e produção dos produtos, a Samsung apresentou uma ideia interessante ao dizer que “Ao eliminar a tinta à base de óleo e expandir as embalagens ecologicamente corretas para todos os modelos de TV Lifestyle e QLED, a Samsung oferece uma solução sustentável que pode fazer um ciclo de até 200.000 toneladas de caixas por ano e transformá-las em peças de decoração para casa. ”

Mas agora quero saber, o que você acha dessas decisões ecológicas das empresas de tecnologia? Acreditam que fazem a diferença? Ou assim como eu penso que falta muito para chegar à verdadeira sustentabilidade? Me conta na nossa página do Facebook, Twitter ou Instagram.

Informações: The Verge, Gizmochina

Total
1
Shares
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Posts
Total
1
Share